Segunda-feira, 17 de Janeiro de 2005
nhy.jpg



.



Amar é quando há dor, poder sorrir


É crer, quando, ao redor, tudo acabou


É sentir que para nós tudo mudou


Vendo tudo, ao redor, se consumir.


.


Amar é, finalmente, descobrir


Aquele alguém que a vida nos guardou


O ser que Deus para nós predestinou


O ser que sempre amamos, sem sentir.


.


Amar é te encontrar, ó ser querido


É viver só para ti, sem dar ouvido


À língua maldizente, ao vil rancor!


.


Amar pensando bem, não é viver!


Amar é ter seus braços a me prender


E ali morrer, meu bem, de puro amor!





publicado por Lumife às 23:47 | link do post | comentar

2 comentários:
De Anónimo a 18 de Janeiro de 2005 às 20:01
Mto lindo este poema...que tu tenhas uma linda noite..."beijo-te com muita ternura"...Lisa
(http://cantinhoazulceleste1.weblogger.com.br)
(mailto:azulceleste_2004@yahoo.com.br)


De Anónimo a 18 de Janeiro de 2005 às 10:57
amar é qd perdemos kem pensavamos ja n amar e afinal é tudo para a nossa sobrevivencia.... visita-m de novo *****classic_doll (serena)
(http://blackroses.blogs.sapo.pt)
(mailto:lady_serena_@hotmail.com)


Comentar post

Post recentes

8-ESPERO

7- BEBIDO O LUAR

6-QUE BOM SERIA...

5-EU NÃO VOLTAREI...

4-SEGREDO

3-A MINHA AMANTE

2-FUMO

1-NÃO ADORMEÇAS...

Ó meu saudoso olhar

...

...

...

...

...

...

Só mais uma vez...

...

...

...

...

Junho 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Agosto 2007

Outubro 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

blogs SAPO
subscrever feeds